Bem-vindos!!!!

Este blog foi criado para professores de 4º e 5º ano que encontram dificuldades para achar atividades. Algumas são criadas por mim e outras selecionadas dos grupos que participo. Se alguma atividade é de sua autoria me escreva para que dê os devidos créditos. Revise o conteúdo antes de utilizar. Não possuo os gabaritos. Tenho apenas as atividades.

domingo, 20 de março de 2011

O Curupira


No fundo das matas, bem longe das cidades e das aldeias, quando soam gritos longos e estridentes, é o Curupira que se aproxima.
O melhor que se faz é sair dali correndo.
O Curupira é um anão de cabelos vermelhos, dentes verdes e com os pés virados para trás. Para os índios, ele é o demônio da floresta. Corre atrás deles, enfurecido, para bater e até mesmo matar. Para se protegerem, quando se afastam de suas aldeias, os índios deixam pelo caminho penas de aves, abanadores e flechas.
O Curupira é o protetor das árvores e dos animais. Batendo nos troncos das árvores como se fossem tambores, testa a resistência delas, quando ameaça cair uma tempestade.
Ele odeia os homens que caçam e destroem as matas. Por isso, gosta de deixar os caçadores perdidos dentro da floresta. Quem vê o Curupira perde totalmente o rumo, não sabe mais achar o caminho de volta...
Para atrair suas vítimas, o Curupira, às vezes, chama as pessoas com gritos que imitam a voz humana.
As histórias do Curupira são contadas em todo o Brasil. Em algumas regiões, ele tem o nome de Caipora ou Caapora, e aparece, freqüentemente, montado em um porco-do-mato.

Responda:
1- Como é o Curupira? 

2 - O que o Curupira faz com os caçadores?

3 - O que o Curupira faz para atrair suas vítimas?

4 - Que outros nomes o Curupira tem em outras regiões do Brasil?

5 – Assinale somente a alternativa correta:

a) Na floresta, que sinais anunciam que o curupira está chegando?
(   ) Gritos longos e estridentes.
(   ) Árvores destruídas no caminho.
(   ) Rastros de porco-do-mato.
(   ) Sons de tempestade.

b) O Curupira testa a resistência das árvores para
(   ) protegê-las dos índios.
(   ) saber se elas não cairão com a chuva forte.
(   ) atrair sua vítimas humanas.
(   ) assustar os destruidores da floresta.

c) A história do Curupira é sobre um
(   ) demônio que assusta os animais da floresta.
(   ) índio que usa abanadores e flechas.
(   ) homem que se perde na mata e fica apavorado.
(   )  anão que protege as árvores e os animais.

d) O Curupira vive em
(   ) aldeias.                            (   ) cidades.                           (   ) matas.                              (   ) troncos.
e) As pessoas têm medo porque o Curupira
(   ) persegue quem destrói a natureza.
(   ) toca tambores escondido durante a noite.
(   ) protege as árvores das tempestades.
(   ) ataca os animais selvagens e perigosos da mata.

f) No texto, a palavra enfurecido significa
(   ) apressado.                                   (   ) furioso.                             (   ) desajeitado.                     (   ) barulhento.


6 - Escreva a quem refere-se os pronomes grifados nas frases abaixo:
a) Para os índios, ele é o demônio da floresta. 
b) Eles deixam pelo caminho penas de aves, abanadores e flechas. 
c) O Curupira odeia os homens que destroem as matas, por isso gosta de protegê-las dos caçadores. 


7 - Grife no texto uma palavra monossílaba, uma dissílaba, uma trissílaba e uma polissílaba. Depois transcreva-as para a tabela abaixo:
MONOSSÍLABA
DISSÍLABA
TRISSÍLABA
POLISSÍLABA






8 – Grife, de azul, cinco palavras da lenda (aleatoriamente). Depois escreva-as abaixo em ordem alfabética.

9 - Assinale a alternativa em que todas as palavras estão escritas corretamente.
(    ) estridente    índios    deixan
(    ) enfurecido    tanbores    destroem
(    ) tronco    tempestade    caçam


10 - No trecho ¨Quem vê o Curupira perde totalmente o rumo, não sabe achar o caminho de volta...¨ . As reticências foram usadas para indicar:
(    ) uma pergunta.
(    ) a continuidade de uma idéia.
(    ) a fala de alguém.

Atividade enviada por Silvana para o grupo Pedagogia dos Sonhos Possíveis.

10 comentários:

  1. Olá Profª Helena,
    Esse ano também estou no 4 ano, estou fazendo meu planejamento online.
    Gostei das suas dicas!
    Abraços
    Prof Juciele
    www.juciele.fixtofix.com

    ResponderExcluir
  2. Boa noite, Professora Helena
    Gostei muito do seu trabalho.
    Vou aproveitar tudo.
    Agradeço e parabéns pela dedicação
    Profª Patrícia

    ResponderExcluir
  3. Boa madrugada !
    Pela primeira vez estou lecionando para turma de 4º ano.
    Gostei demais das suas atividades.
    Aproveitei quase todas.
    Parabéns pelo capricho e criatividade.
    Prof.ª Rosaly

    ResponderExcluir
  4. Puxa, trabalhando de madrugada? Obrigada pelo carinho. Utilize o blog sempre que precisar. Abraços!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela sua disposição em expor as atividades. É disso que a educação brasileira precisa. Beijos e continue a brilhar.

    ResponderExcluir
  6. O Curupira

    No fundo das matas, bem longe das cidades e das aldeias, quando soam gritos longos e estridentes, é o Curupira que se aproxima.
    O melhor que se faz é sair dali correndo.
    O Curupira é um anão de cabelos vermelhos, dentes verdes e com os pés virados para trás. Para os índios, ele é o demônio da floresta. Corre atrás deles, enfurecido, para bater e até mesmo matar. Para se protegerem, quando se afastam de suas aldeias, os índios deixam pelo caminho penas de aves, abanadores e flechas.
    O Curupira é o protetor das árvores e dos animais. Batendo nos troncos das árvores como se fossem tambores, testa a resistência delas, quando ameaça cair uma tempestade.
    Ele odeia os homens que caçam e destroem as matas. Por isso, gosta de deixar os caçadores perdidos dentro da floresta. Quem vê o Curupira perde totalmente o rumo, não sabe mais achar o caminho de volta...
    Para atrair suas vítimas, o Curupira, às vezes, chama as pessoas com gritos que imitam a voz humana.
    As histórias do Curupira são contadas em todo o Brasil. Em algumas regiões, ele tem o nome de Caipora ou Caapora, e aparece, freqüentemente, montado em um porco-do-mato.

    Responda:
    1- Como é o Curupira?

    2 - O que o Curupira faz com os caçadores?

    3 - O que o Curupira faz para atrair suas vítimas?

    4 - Que outros nomes o Curupira tem em outras regiões do Brasil?

    5 – Assinale somente a alternativa correta:

    a) Na floresta, que sinais anunciam que o curupira está chegando?
    ( ) Gritos longos e estridentes.
    ( ) Árvores destruídas no caminho.
    ( ) Rastros de porco-do-mato.
    ( ) Sons de tempestade.

    b) O Curupira testa a resistência das árvores para
    ( ) protegê-las dos índios.
    ( ) saber se elas não cairão com a chuva forte.
    ( ) atrair sua vítimas humanas.
    ( ) assustar os destruidores da floresta.

    c) A história do Curupira é sobre um
    ( ) demônio que assusta os animais da floresta.
    ( ) índio que usa abanadores e flechas.
    ( ) homem que se perde na mata e fica apavorado.
    ( ) anão que protege as árvores e os animais.

    d) O Curupira vive em
    ( ) aldeias. ( ) cidades. ( ) matas. ( ) troncos.
    e) As pessoas têm medo porque o Curupira
    ( ) persegue quem destrói a natureza.
    ( ) toca tambores escondido durante a noite.
    ( ) protege as árvores das tempestades.
    ( ) ataca os animais selvagens e perigosos da mata.

    f) No texto, a palavra enfurecido significa
    ( ) apressado. ( ) furioso. ( ) desajeitado. ( ) barulhento.


    6 - Escreva a quem refere-se os pronomes grifados nas frases abaixo:
    a) Para os índios, ele é o demônio da floresta.
    b) Eles deixam pelo caminho penas de aves, abanadores e flechas.
    c) O Curupira odeia os homens que destroem as matas, por isso gosta de protegê-las dos caçadores.


    7 - Grife no texto uma palavra monossílaba, uma dissílaba, uma trissílaba e uma polissílaba. Depois transcreva-as para a tabela abaixo:
    MONOSSÍLABA
    DISSÍLABA
    TRISSÍLABA
    POLISSÍLABA






    8 – Grife, de azul, cinco palavras da lenda (aleatoriamente). Depois escreva-as abaixo em ordem alfabética.

    9 - Assinale a alternativa em que todas as palavras estão escritas corretamente.
    ( ) estridente – índios – deixan
    ( ) enfurecido – tanbores – destroem
    ( ) tronco – tempestade – caçam


    10 - No trecho ¨Quem vê o Curupira perde totalmente o rumo, não sabe achar o caminho de volta...¨ . As reticências foram usadas para indicar:
    ( ) uma pergunta.
    ( ) a continuidade de uma idéia.
    ( ) a fala de alguém.

    ResponderExcluir
  7. professora helena tem o gabarito das perguntas

    ResponderExcluir
  8. professora helena tem o gabarito das perguntas

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário, é muito importante!!!